Player

.

Um passo em frente nesta longa escadaria rumo a um sentimento de concretização pessoal. Sou, na minha essência, a mesma... mas visto-me mais de acordo com uma filosofia que é minha, que tomo como minha. Aquela que me autoriza a errar, a arriscar, a ser uma mente aberta, a pagar preços altos pelo que, para mim, faz todo o sentido... momentos de felicidade!

Meu Mundo

"Não sou para todos. Gosto muito do meu mundinho. Ele é cheio de surpresas, palavras soltas e cores misturadas. Às vezes tem um céu azul, outras tempestades. Lá dentro cabem sonhos de todos os tamanhos. Mas não cabe muita gente. Todas as pessoas que estão dentro dele não estão por acaso... São necessárias!" ***Caio F. Abreu

22 de julho de 2012

O amor é um estado da consciência



O amor é um estado da consciência em que você está alegre, em que o seu ser dança de alegria. É algo que vibra, se irradia a partir do seu centro; algo que pulsa ao seu redor. O amor atinge todas as pessoas: pode atingir mulheres, homens, assim como pode atingir pedras, árvores e estrelas.

Quando falo de amor, estou falando desse amor: um amor que não é um relacionamento mas um estado de ser.

Lembre-se: sempre que eu uso a palavra "amor", eu a uso como um estado de ser, não como um relacionamento. Relacionamento é apenas um aspecto muito pequeno do amor.


Osho, em "Intimidade: Como Confiar em Si Mesmo e nos Outros"


 

Hibernação



Às vezes você é frio, às vezes você não é. Não crie um problema a partir disso. Quando frio, seja frio e não se sinta culpado por isso.

Não há necessidade de permanecer caloroso vinte e quatro horas por dia. Isso seria cansativo. A gente precisa de um pouco de descanso.

Quando você estiver frio, a energia estará se movendo para dentro; quando você estiver caloroso, a energia estará se movendo para fora.

É claro, as outras pessoas gostariam que você sempre fosse caloroso, porque a sua energia se moveria em direção a elas. Quando você estiver frio, sua energia não estará se movendo em direção a elas, e elas se sentirão ofendidas.

Elas lhe dirão que você é frio. Mas cabe a você decidir. Nesses momentos frios você hiberna, você vai para dentro de seu ser. Esses são momentos meditativos.

Assim, esta é minha sugestão: quando você se sentir frio, feche as portas para os relacionamentos e para o estar com as pessoas. Ao sentir que você está frio, vá para casa e medite. Esse é o momento certo para meditar.

Com a própria energia se movendo para dentro, você pode montar nela e ir até o âmago mais profundo do seu ser. Não haverá luta, você poderá simplesmente se mover com a corrente.

E, quando você estiver se sentindo caloroso, mova-se para fora. Esqueça-se de tudo sobre meditação e seja amoroso. Use ambos os estados e não se preocupe a respeito.


Osho, em "Osho Todos os Dias"

21 de julho de 2012

Viver como verdade



Se você encontrou a sua verdade dentro você, não há mais nada para descobrir em toda esta existência. A verdade está atuando através de você. Quando você abre os olhos, é a verdade abrindo os olhos. Quando fecha os seus olhos, é a verdade que está fechando os olhos.

Esta é uma meditação extraordinária. Se você puder simplesmente entender o mecanismo, não precisará fazer nada - o que quer que estiver fazendo, estará sendo feito pela verdade. Se você estiver andando, será a verdade andando; se estiver dormindo, será a verdade dormindo; se estiver falando, será a verdade falando; se estiver em silêncio, será a verdade que estará em silêncio.

Esta é uma das técnicas de meditação mais simples. Pouco a pouco, tudo se acomoda segundo esta fórmula simples e, então, não há mais necessidade da técnica.

Quando você está curado, joga fora a meditação, joga fora o remédio. Então, você vive como verdade — cheio de vida, radiante, satisfeito, abençoado, uma canção em si mesmo.

Toda a sua vida se transforma em uma prece sem palavras ou, melhor dizendo, em um estado de oração, em um estado de graça, de beleza que não pertence a este mundo, em um raio de luz vindo do além, iluminando a escuridão do nosso mundo.


Osho, em "The Great Zen Master Ta Hui"

AMOR INCONDICIONAL

Eu o amo como você é, como você busca achar seu próprio modo especial para se relacionar com o mundo. Eu honro suas escolhas para aprender do modo que você sente que é certo para você.
Eu sei que é importante que você seja a pessoa que você quer ser e não alguém que os outros ou eu pensamos que você deveria ser. Eu percebo que eu não posso saber o que é melhor para você, embora talvez às vezes eu pense que eu saiba. Eu não tenho estado no mesmo lugar que você, vendo a vida do seu ângulo. Eu não sei o que você escolheu aprender ou como escolheu aprender, com quem ou em que período de tempo. Eu não caminhei pela vida olhando atravéz dos seus olhos, então como eu posso saber o que você precisa.
Neste lugar onde eu estou, eu vejo que há muitas maneiras para perceber e experimentar as diferentes facetas de nosso mundo. Eu permito, sem reserva, as escolhas que você faz em cada momento. Eu não faço nenhum julgamento disto. Se eu negasse seu direito à sua evolução, então eu negaria o direito para todos os outros e para mim mesmo.
Para aqueles que escolheriam um caminho que eu não posso trilhar, eu ainda posso não escolher somar meu poder e minha energia a este caminho, eu nunca negarei a você o presente de amor que deus deu dentro de mim, para toda a Criação. Como eu o amo, assim eu serei amado. Como eu semeio, assim eu colherei.
Pois escolher a sua própria evolução é o direito inalienável de toda a vida. E com grande amor eu reconheço seu direito de determinar seu futuro. É em humildade que eu me curvo à percepção de que o modo que eu vejo como melhor para mim não tem que significar que também é certo para você. Eu sei que você é conduzido como eu sou, seguindo a excitação interna para saber seu próprio caminho.
Eu sei que as muitas raças, religiões, costumes, nacionalidades e convicções dentro de nosso mundo, nos trazem riqueza e nos permitem o benefício e ensinamentos de tal diversidade. Eu sei que cada um de nós aprende de nosso próprio modo para trazer aquele amor e sabedoria de volta ao todo. Eu sei que se houvesse só um modo para fazer algo, lá só precisaria estar uma pessoa.
Eu não só o amarei se você se comportar da forma que eu acho que você deve ou acreditar nas coisas que eu acredito. Eu entendo que você verdadeiramente é meu irmão e minha irmã, embora você possa ter nascido em um lugar diferente e acredite em outro deus.
O amor que eu sinto é para tudo do mundo de Deus. Eu sei que toda coisa viva é uma parte de Deus e eu sinto dentro de mim um amor profundo por cada pessoa, animal, árvore e flor, por todo pássaro, rio e oceano e por todas as criaturas em todo o mundo.
Eu vivo minha vida em serviço amoroso, sendo o melhor que eu posso, ficando mais sábio na perfeição da verdade divina, ficando mais feliz na alegria do… Amor Incondicional.
DESCONHEÇO AUTOR

Permaneça desligado








Você precisa chegar a um estado de conscientização onde nada mais lhe impressione, você pode ficar desligado. Como fazer isso? Por todo o dia a oportunidade está aí para fazê-lo. É por isso que digo que esse método é bom para você fazer.

A qualquer momento que você ficar ciente de que algo está lhe possuindo. Então respire fundo, inale profundamente, exale profundamente, e veja a coisa de novo. Enquanto você estiver exalando olhe para a coisa novamente, mas olhe apenas como uma testemunha, como um espectador.

Se você puder alcançar o estado testemunhante da mente mesmo por um simples momento, subitamente você irá sentir que você está só, nada pode lhe impressionar, pelo menos nesse momento nada pode criar desejo em você.

Tome uma profunda respiração e exale-a quando você sentir que alguma coisa está lhe impressionando, lhe influenciando, lhe arrastando para longe de você, ficando mais importante do que você mesmo.

E nesse pequeno intervalo criado pela exalação olhe para a coisa – uma bela face, um belo corpo, um belo edifício, ou para coisa alguma. Se você sentir que isso é difícil, se apenas exalando você não puder criar um intervalo, então faça mais uma coisa: exale, e pare a inalação por um momento assim que a exalação jogou todo o ar fora. Pare, não inale. Então olhe para a coisa.

Quando o ar estiver fora, ou dentro, quando você tiver cessado de respirar, nada pode lhe influenciar. Nesse momento você está desligado – a ponte está quebrada.

Respirar é a ponte. Tente isso. Será só por um simples momento que você terá a sensação de testemunhar, mas isso lhe dará o sabor, isso lhe dará a sensação do que é o testemunhar. Então você pode prosseguir com isso.

Por todo o dia, sempre quando alguma coisa lhe impressionar e surgir um desejo, exale, pare no intervalo, e olhe para a coisa. A coisa estará lá, você estará lá, mas não haverá nenhuma ponte. Respiração é a ponte.

Subitamente você irá perceber que você é poderoso, você tem potencial. E quanto mais poderoso você sentir mais você se tornará. Quanto mais coisas caírem, mais o poder delas sobre você cai, mais cristalizado você se sentirá. A individualidade começou.

Agora você possui um centro para o qual se referir, e a qualquer momento você pode mover-se para o centro e o mundo desaparece. A qualquer hora você pode abrigar-se no seu próprio centro e o mundo fica sem força.

Osho, em "The Book of Secrets


 

13 de julho de 2012

Carlos Drummond de Andrade

Falar é completamente fácil,
quando se tem palavras em mente que expressem sua opinião.
Difícil é expressar por gestos e atitudes o que realmente queremos dizer,
o quanto queremos dizer, antes que a pessoa se vá.
Fácil é julgar pessoas que estão sendo expostas pelas circunstâncias.
Difícil é encontrar e refletir sobre os seus erros, ou tentar fazer
diferente algo que já fez muito errado.
Fácil é ser colega, fazer companhia a alguém,
dizer o que ele deseja ouvir.
Difícil é ser amigo para todas as horas
e dizer sempre a verdade quando for preciso.
E com confiança no que diz.
Fácil é analisar a situação alheia
e poder aconselhar sobre esta situação.
Difícil é vivenciar esta situação e saber o que fazer.
Ou ter coragem pra fazer.
Fácil é demonstrar raiva e impaciência
quando algo o deixa irritado.
Difícil é expressar o seu amor a alguém
que realmente te conhece, te respeita e te entende.
E é assim que perdemos pessoas especiais.
Fácil é mentir aos quatro ventos o que tentamos camuflar.
Difícil é mentir para o nosso coração.
Fácil é ver o que queremos enxergar.
Difícil é saber que nos iludimos com o que achávamos ter visto.
Admitir que nos deixamos levar, mais uma vez, isso é difícil.
Fácil é dizer "oi" ou "como vai?"
Difícil é dizer "adeus". Principalmente quando somos culpados
pela partida de alguém de nossas vidas...
Fácil é abraçar, apertar as mãos, beijar de olhos fechados.
Difícil é sentir a energia que é transmitida.
Aquela que toma conta do corpo como uma corrente elétrica
quando tocamos a pessoa certa.
Fácil é querer ser amado.
Difícil é amar completamente só.
Amar de verdade, sem ter medo de viver, sem ter medo do depois.
Amar e se entregar. E aprender a dar valor somente a quem te ama.
Fácil é ouvir a música que toca.
Difícil é ouvir a sua consciência. Acenando o tempo todo,
mostrando nossas escolhas erradas.
Fácil é ditar regras.
Difícil é seguí-las. Ter a noção exata de nossas próprias vidas,
ao invés de ter noção das vidas dos outros.
Fácil é perguntar o que deseja saber.
Difícil é estar preparado para escutar esta resposta.
Ou querer entender a resposta.
Fácil é chorar ou sorrir quando der vontade.
Difícil é sorrir com vontade de chorar ou chorar de rir, de alegria.
Fácil é dar um beijo.
Difícil é entregar a alma. Sinceramente, por inteiro.
Fácil é sair com várias pessoas ao longo da vida.
Difícil é entender que pouquíssimas delas
vão te aceitar como você é e te fazer feliz por inteiro.
Fácil é ocupar um lugar na caderneta telefônica.
Difícil é ocupar o coração de alguém.
Saber que se é realmente amado.
Fácil é sonhar todas as noites.
Difícil é lutar por um sonho.
Eterno, é tudo aquilo que dura uma fração de segundo,
mas com tamanha intensidade, que se petrifica,
e nenhuma força jamais o resgata.

11 de julho de 2012

AMOR ETERNO AMOR AZUL

O AMOR,,,,,,






MESMO SE EU FALASSE A LINGUA
DOS HOMENS E DOS ANJOS AZUIS
SEM SEU AMOR EU NADA SERIA
É SÓ O AMOR...É SÓ O AMOR
QUE CONHECE O QUE É VERADADE
O SEU AMOR É BOM...NAO QUER O MAL

É SOLITARIO ANDAR POR ENTRE GENTE
É SERVIR A QUEM VENCE O VENCEDOR
É O CONTENTAMENTO DESCONTENTE
É O NAO QUERER MAS QUE BEM QUER
É CUIDAR QUE SE GANHA EM SE PERDER

É O TEMPO QUE NOS MATA ,É LEALDADE
AGORA VEJO EM PARTES ,VEJO EM FACES
SEM SEU AMOR EU NADA SOU...

É UM FOGO QUE ARDE SEM SER VER
É FERIDA QUE DOI...E NÃO SE SENTE
É UM CONTENTAMENTO DESCONTENTE
É DOR QUE DESATINA SEM DOR....


autor desconhecido

5 de julho de 2012

Queria...

Queria ser como a rosa azul
Viver meramente um dia

Ser a tua primavera, o teu Verão
O teu Outono, o teu Inverno
Sentir a fragrância da tua pele,
Tuas mãos docemente no meu rosto
Com a macieza das pétalas azuis.
Sentir o prazer de ser especial
Somente um dia, que importa
Como a rosa azul

Afogar a saudade no sabor do teu odor
Saciar o sonho perdido num olhar ardente
Mergulhar na limpidez orvalhada
Que afaga as tuas pétalas imortais
Diluir–me na imensurabilidade de ti
Um dia, uma vida, uma eternidade.
Morrer e renascer como a rosa azul


 (desconheço autor)

1 de julho de 2012

"Eu queria ser:

flor,
ator,
amor,
autor,
vapor,
frescor,
escritor,
multicor,
lenhador,
opressor,
sonhador,
confessor,
descobridor,
colecionador,
tudo menos dor."
Photobucket